Duarte cobra assistência à vítima de acidente com ônibus

O deputado estadual Paulo Duarte (PT) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa hoje para cobrar assistência médica ao jovem Marcelo Victorio, 32 anos, que foi atropelado por um ônibus de transporte coletivo da empresa Serrana, quando caminhava pela Rua Rui Barbosa, no Centro de Campo Grande.

Embora o acidente tenha ocorrido dia 31 de outubro, devido à gravidade do caso, o rapaz ainda sofre as consequências do atropelamento.

O deputado revela que esteve na casa de Victorio, que ainda precisa de enxerto e microcirurgias para reconstrução da perna, esmagada no acidente.

Segundo o parlamentar, a empresa Serrana se negou a fazer acordo e, somente com uma decisão judicial custeou parte do tratamento da vítima.

As dívidas com cirurgias e todo o tratamento já ultrapassam R$ 120 mil, além de despesas com advogado.

Não houve indiciamentos pela Polícia Civil.

Laudo feito pelo Instituto de Criminalística aponta que o problema na barra de direção causou o acidente.

O laudo também indicou que peça era nova porque as roscas e parafusos não apresentavam desgastes. Desta maneira, o motorista Leandro Frimo de Oliveira não foi indiciado pelo acidente.

Original em: http://www.campogrande.news.com.br

GD Star Rating
loading...

Polícia apreende iguanas, aranhas e tartaruga em Correios de São Paulo

SÃO PAULO – A Polícia Militar apreendeu, por volta das 18h30 de terça-feira, oito iguanas e uma tartaruga que estavam em embalagens do Sedex, em uma agência dos Correios, na Vila Leopoldina, zona oeste da capital paulista. Os animais seriam enviados de São Paulo para Minas Gerais.

Iguanas estavam em caixas de madeira


Conforme informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP), os policiais foram chamados por funcionários dos Correios, que descobriram os animais ao passar as caixas por aparelhos de raio x.
Das oito iguanas que estavam embaladas, uma já estava morta. As outras sete e a tartaruga foram levadas ao Parque Ecológico do Tietê e a embalagem onde estavam foi mandada para o Instituto de Criminalística (IC), para ser periciada.

Aranhas sobreviveram a longa viagem

Em outra agência dos Correios, desta vez no bairro da Saúde, zona sul paulista, policiais apreenderam três aranhas grandes e diversos filhotes. Elas foram transportadas via Serviço de Encomenda Expressa (Sedex) de Belém do Pará para São Paulo.
Segundo a polícia, as aranhas adultas estavam separadas em potes e, os filhotes, juntos em um único compartimento. Elas foram apreendidas e levadas ao Instituto Butantan.

De acordo com a SSP, após investigação, os policiais chegaram a um homem, morador do Jardim Vergueiro, na zona sul, que disse ter comprado os aracnídeos por R$ 400 em um site de relacionamentos.

O delegado Roberto Carvalho Naves, 1ª Delegacia de Investigações de Infrações do Ambiente de Trabalho, onde as duas apreensões foram registradas, disse que o objetivo agora é identificar a origem dos animais e verificar se há uma nova modalidade de tráfico de animais.

Original em: http://ultimosegundo.ig.com.br/

GD Star Rating
loading...

Autuado no Areal por tráfico de drogas

Segundo a Polícia Militar, um casal suspeito estava com crack e maconha. Na delegacia, um homem foi autuado pelo crime

[credito=Foto: Divulgação/ PM]

Policiais da 21ª DP (Taguatinga) estão investigando se há outros envolvidos no crime de tráfico de drogas, relacionado a uma prisão realizada às 3h30 desta madrugada, na Quadra 11 do Areal, em Taguatinga. Segundo informações da Polícia Militar, no local um casal foi encaminhado para a delegacia pelas equipes de policiais militares do Comando de Policiamento Regional Oeste (CPRO) e da Rotam.

Conforme a PM, o patrulhamento da área percebeu o casal em atitude suspeita. Ao conferir os dois, foram encontrados 1,5 kg de crack, 200 gramas de maconha e uma balança de precisão. Conforme a Polícia Civil, Paulo Sérgio Sodré, 21 anos, foi preso em flagrante com drogas e ainda com uma balança de precisão. O homem para o Departamento de Polícia Especializada (DPE), onde deverá aguardar a decisão do juiz. A droga também foi encaminhada para exames no Instituto de Criminalística da PC/DF.

Original em: http://www.maiscomunidade.com/

GD Star Rating
loading...

Preso em SP suspeito que ameaçava padres de morte

SÃO PAULO – Um homem que vinha ameaçando matar seis padres da região de Matão, no interior de São Paulo, foi detido na última sexta-feira pela Polícia Civil. O caso vinha assustando os moradores da cidade e aterrorizando os padres desde o início de setembro, quando os e-mails começaram a ser enviados. As ameaças eram tão graves que fizeram com que o bispo não comparecesse à cidade em crismas anteriormente agendadas. A igreja do Jardim do Bosque de Matão, a Paróquia Santa Cruz, chegou a ser fechada pelo bispo de São Carlos.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o suspeito, de 26 anos, enviou diversos e-mails a seis padres com ameaças de morte. Ao ser detido, alegou que o ex-administrador da igreja contou-lhe que passou e-mails aos padres, contendo ameaças, e que foi induzido a agir da mesma forma. Segundo o suspeito, o ex-administrador teria iniciado o envio por ter sido demitido e, por causa disso, passava por dificuldades financeiras.

Na Delegacia de Polícia de Matão, o detido foi ouvido e liberado. Ele responderá em liberdade por crime de ameaça. O ex-administrador da igreja citado por ele será comunicado oficialmente e chamado para prestar esclarecimentos. O computador utilizado pelo indiciado para enviar os e-mails às vítimas foi apreendido e encaminhado ao Instituto de Criminalística (IC) para perícia.

Original em: http://www.estadao.com.br

GD Star Rating
loading...

Governo de Rondônia divulga edital do concurso da Polícia Civil com 641 vagas

A comissão de concurso da Secretaria de Estado da Segurança Defesa e Cidadania (Sesdec) entregou, nesta quarta-feira (21)

A comissão de concurso da Secretaria de Estado da Segurança Defesa e Cidadania (Sesdec) entregou, nesta quarta-feira (21), à editora do Diário Oficial do Estado (DOE), o edital do concurso da Polícia Civil, que contratará 641 novos servidores de nível médio e superior.

O atraso na publicação do edital, segundo informou o secretário-adjunto Hazael Martins, se deu por conta da modificação do artigo 9º da Lei 76/1993 (estatuto da Polícia Civil), que precisou ser votada pela Assembléia Legislativa, e pela atenção dada à recomendação do Tribunal de Contas (TC) sobre a contratação da empresa responsável pela elaboração das provas. “Há todo um cuidado para que não ocorra o que aconteceu com as provas do Enem. A comissão achou por bem atrasar o concurso para garantir mais segurança e transparência”, explicou Hazael.

Segundo consta no edital, o período de inscrição vai de 23 de outubro a 15 de novembro. As provas objetivas e discursivas para nível superior e objetiva e redação para nível médio serão realizadas dia 13 de dezembro. “As provas têm caráter eliminatório e classificatório”, observa o adjunto.

Os aprovados nas provas iniciais farão teste de capacidade física no período de 22 a 26 de fevereiro do próximo ano. Os candidatos ao cargo de escrivão farão provas de digitação no dia 14 de março de 2010.

Para os candidatos de nível superior haverá prova oral, que será realizada dia 04 de abril de 2010. “Todos os aprovados farão academia no mês de abril”, acentua Hazael Martins.

No concurso, a Secretaria de Segurança abre 65 vagas para delegados de polícia, 27 para perito criminal, 19 para médico legista, quatro para odontólogo legal, 79 para escrivão de polícia, 30 para datiloscopista, 370 para agente de polícia, seis para técnico em necropsia, 34 para agente de criminalística e sete para técnico em laboratório.

As inscrições podem ser feitas pelo site da empresa responsável pelo certame (www.funcab.org), onde o candidato também obterá maiores informações.
Os valores para as inscrições são de R$ 115,00 para os cargos de nível superior R$ 80,00 para nível médio.

Segundo Evilásio Sena, esse é o segundo concurso realizado pelo atual governo. “O último concurso foi em 2003. O concurso anterior tinha sido realizado há 13 anos. Com essa segunda contratação, o governo dobrará o efetivo da Polícia Civil”, destacou.

Original em: http://www.rondoniadinamica.com

GD Star Rating
loading...

Colisão entre motocicleta e bicicleta mata lavrador

Ciclista perdeu a vida após colisão com motocicleta. O acidente aconteceu no dia 1º deste mês, na cidade de Iturama (MG), quando o lavrador Márcio Araújo, 37 anos, seguia em sua bicicleta pela avenida Seis Irmãos e, em determinado momento, foi colhido por uma motocicleta Honda CG Titan com placas daquele município. Com o impacto, Márcio foi arremessado com a cabeça contra o solo. Ele teve traumatismo craniano grave, foi socorrido por terceiros, levado para hospital naquela cidade em estado gravíssimo e posteriormente transferido para o pronto-socorro do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro.
Na tarde de segunda-feira (19), às 15h45, Márcio não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. O corpo foi levado na manhã de ontem, pelo auxiliar de necropsia Geraldo Barbosa, para o Instituto Médico Legal (IML), em seguida foi liberado para seus familiares.

Auxiliar administrativo morre após capotamento na MG-190 – Capotamento em rodovia faz mais uma vítima fatal. O acidente aconteceu na manhã de ontem, por volta das 10h30, na rodovia MG-190 que fica entre Nova Ponte e Iraí de Minas. O auxiliar administrativo Ronaldo Manoel de Moraes, 55 anos, seguia pela rodovia sentido Nova Ponte/Iraí de Minas, em um veículo Fiat Pick-up Strada de cor prata, com placas GZM-1665 da cidade de Perdizes (MG), e tinha como passageira Andréa Cunha Cardoso, 29 anos. Ao passar pelo km 102, Ronaldo perdeu o controle da direção do automóvel, que saiu da pista, caiu na valeta lateral e capotou por várias vezes. O auxiliar Ronaldo teve morte instantânea e a passageira Andréa teve cortes na cabeça e suspeita de traumatismo craniano. Ela foi socorrida por policias da viatura 1289 da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) de Nova Ponte comandada pelo sargento Altair, composta pelo cabo Domingues e soldado Jorge, e foi levada para a Santa Casa de Misericórdia de Nova Ponte, onde passou por atendimentos e ficou sob observação.
O perito criminal Wallison Duarte, da Polícia Técnica de Araxá, compareceu ao local e realizou os trabalhos técnicos. Em seguida, o corpo de Ronaldo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Araxá e posteriormente liberado para seus familiares. (JC)

Original em: http://www.jornaldeuberaba.com.br

GD Star Rating
loading...

Crime da 113 Sul: Após 50 dias, os homicídios continuam sem solução

Os três foram cruelmente assassinados em 28 de agosto

 - ()

Depois de 50 dias de investigação, a Polícia Civil tem mais dúvidas do que certezas a respeito do triplo assassinato ocorrido na 113 Sul. Delegados, agentes e peritos ainda buscam pistas que levem ao autor da barbárie ocorrida no apartamento 601/602 do Bloco C. Até agora, nem sequer definiram uma linha. Ora dão mais ênfase à hipótese de crime encomendado ora à de latrocínio (roubo com morte) ora a ambas. Faltam provas para sustentar uma delas. Em meio às idas e vindas, a cena do crime acabou alterada, pessoas ficaram expostas como suspeitas e registros de mais de 100 depoimentos se avolumam no processo.

Os investigadores trabalham contra o tempo e, principalmente, a ausência de uma testemunha-chave. Não apareceu ninguém que tenha visto ou ouvido algo da ação criminosa, apesar de as três vítimas — o advogado e ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) José Guilherme Villela, 73 anos, a mulher dele, Maria Carvalho Mendes Villela, 69; e a principal empregada do casal, Francisca Nascimento da Silva, 58 — terem sido mortas em uma quadra povoada e entre as 19h30 e as 20h de 28 de agosto, uma sexta-feira. As imagens captadas pelas câmeras do circuito de TV do Bloco C não eram gravadas. As de um prédio vizinho são de má qualidade.

Enquanto isso, a equipe da 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul), responsável pelo caso, segue à risca a ordem da direção da Polícia Civil de não dar detalhes sobre a investigação. Ninguém da cúpula da Secretaria de Segurança Pública do DF fala a respeito. A falta de respostas incomoda setores da sociedade, como a Ordem dos Advogados do Brasil no Distrito Federal (OAB-DF), que indicou o criminalista Raul Livino para acompanhar o trabalho da polícia. Além de José Guilherme, Maria era advogada.
No fim da tarde de ontem, a OAB-DF enviou ofício ao secretário de Segurança Pública do DF, Valmir Lemos, e ao diretor-geral da Polícia Civil do DF, Cléber Monteiro, exigindo pressa na conclusão dos laudos das perícias feitas no apartamento do casal Villela. “Em princípio, a gente atribui essa demora à complexidade (do crime). Mas, pelo menos, a polícia precisa apresentar um resultado parcial, para a sociedade saber o que está sendo feito”, cobrou Livino, que preside a Comissão de Direitos Humanos da OAB-DF.

O promotor Maurício Miranda, do Tribunal do Júri de Brasília, também aguarda os laudos para organizar a tese de acusação. Ele diz não ter informações sobre o trabalho da 1ª DP e afirma serem fundamentais os relatórios dos peritos para conseguir a condenação do autor ou dos autores. “O inquérito dos primeiros 30 dias de investigação só trazia os laudos cadavéricos, que não revelam muita coisa sobre o autor. Espero que venham os outros ao fim do prazo de mais 30 dias (que termina na próxima semana)”, comentou.

Para o advogado Aristoteles Atheniense, vice-presidente da Comissão Nacional de Relações Internacionais da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), o atraso na entrega dos exames atrapalha o trabalho policial. “A parte técnica está deixando a desejar. Os laudos são importantes para a delegada e essenciais para a investigação”, avaliou o mineiro Atheniense, que ontem esteve em Brasília para a reunião do conselho federal da OAB. Também compareceu à 1ª DP, onde prestou esclarecimentos como amigo e colega de faculdade de José Guilherme.

A demora na solução do crime da 113 Sul incomoda ainda o Sindicato dos Policiais Civis do Distrito Federal (Sinpol-DF). O presidente da entidade, Wellington Luiz de Souza Silva, se diz preocupado com a imagem da Polícia Civil candanga. “Para a gente, é uma preocupação enorme porque a nossa polícia é reconhecida nacionalmente pela sua eficiência. Não temos dúvida de que os policiais da 1ªDP estão empenhados, trabalhando dia e noite, mas a população quer resultado.”

Os peritos do Instituto de Criminalística (IC) e do Instituto de Identificação (II) estiveram 13 vezes no imóvel onde morreram com 73 facadas as três vítimas. Pela primeira perícia, investigadores afirmam que o crime ocorreu na noite de 28 de agosto. Mas os corpos acabaram encontrados somente três dias depois. Apenas os resultados do II são conhecidos, embora não tenha havido divulgação oficial: os especialistas detectaram fragmentos de impressões digitais diferentes das dos moradores do apartamento.

“Faxineiro”

Não se precisou se o crime foi cometido por uma ou mais pessoas. O mais provável é que ao menos um dos envolvidos seja conhecido de uma das vítimas, pois não havia marca de arrombamento nas portas.

A delegada Martha Vargas, chefe da 1ª DP, já confirmou que alguém entrou no imóvel para limpar os rastros dos assassinos. A pouca quantidade de sangue e a ausência de impressões digitais fazem a polícia acreditar que o “faxineiro” era profissional, pois somente o uso de produtos especiais apagaria os vestígios. Até agora, no entanto, não há informações capazes de identificar o responsável pela alteração no cenário.

Por enquanto, dois homens estão presos por suspeita de envolvimento no caso. Mas faltam provas para vinculá-los de forma definitiva ao crime. Os primos D. e A. permanecem detidos há semanas, mas por acusações de pistolagem e clonagem de veículos. Segundo a polícia, testemunhas viram a dupla, e um terceiro homem, na 513 Sul na noite dos assassinatos. Pesa ainda contra D. a suspeita de integrar uma facção criminosa de São Paulo.

 - ()

Original em: http://www.correiobraziliense.com.br

GD Star Rating
loading...