Perito descobre como determinar a cidade de origem da merla

Saber, a partir da análise dos componentes, se a merla foi produzida em Goiânia, Anápolis ou em alguma cidade do entorno do Distrito Federal.  Esta é a principal contribuição da pesquisa feita pelo atual gerente de Ensino da Superintendência de Polícia-Técnico Científica de Goiás, o perito criminal Rodrigo Irani Medeiros. Amanhã, às 8h30, ele defende tese de doutorado no Instituto de Química da UFG, no Campus 2, em Goiânia.

Original em: http://www.noticiasdegoias.go.gov.br

Leave a Reply