Após 4 anos, Justiça decide se réus da cratera do Metrô vão a julgamento

Catorze são acusados de desabamento que matou sete pessoas em 2007.
Audiência começa na tarde desta terça no Fórum de Pinheiros, em SP.

Em janeiro de 2007, uma cratera se abriu no canteiro de obras das futuras instalações da Estação Pinheiros do Metrô: sete pessoas morreram (Foto: Arquivo/G1)

Em janeiro de 2007, uma cratera se abriu no canteiro de obras das futuras instalações da Estação Pinheiros do Metrô: sete pessoas morreram (Foto: Arquivo/G1)

Após quatro anos, a Justiça de São Paulo começará a decidir a partir desta terça-feira (27) se os 14 réus do caso da cratera do Metrô irão a julgamento pelo emblemático acidente que matou sete pessoas. Engenheiros e técnicos serão ouvidos pela primeira vez desde janeiro de 2007, quando o canteiro de obras da então futura Estação Pinheiros desmoronou, abrindo um buraco que tragou três caminhões do serviço, três carros, uma rua vizinha e uma van que passava por ela.

Os acusados respondem em liberdade e no exercício de suas profissões por crime contra a incolumidade pública, que é deixar de tomar medidas necessárias, no caso específico, de segurança contra o risco de desmoronamento. Em outras palavras, são acusados de desabamento culposo com morte na modalidade culposa (sem intenção).

A audiência de instrução ocorrerá a partir das 14h no Fórum de Pinheiros e será presidida pela juíza Aparecida Angélica Correia, que ouvirá o depoimento de cinco testemunhas de acusação. Outras três serão ouvidas por carta precatória em Minas Gerais, Goiás e Rio de Janeiro. Essa etapa precede a um eventual julgamento e se estenderá também na quarta-feira (28) e na quinta-feira (29) com o restante das oitivas.

Audiência
Posteriormente será marcada uma nova data da audiência para que sejam ouvidas as testemunhas de defesa e para que seja feito o interrogatório dos réus. Após isso, a juíza decidirá se os acusados devem ser levados a julgamento ou não. A previsão é que isso ocorra até 2012.

Como o crime é de menor potencial ofensivo, caso eles sejam condenados pela Justiça, a pena não deverá passar de mais de dois anos e meio de reclusão. Por esse motivo, o regime de prisão deles deverá ser aberto. Os advogados dos réus dizem na defesa de seus clientes que houve uma falha geológica imprevisível para justificar a abertura do buraco.
Ministério Público
Para a promotora Eliane Passarelli, que representa a denúncia, não houve abalo sísmico que justificasse o desabamento. Ela considera que houve, sim, imprudência, imperícia, falha humana e técnica. O processo questiona a qualidade do material usado e a negligência quanto às medidas preventivas e as falhas na análise do solo. Em outras palavras, para o Ministério Público, a tragédia poderia ter sido evitada se os responsáveis tivessem alertado as autoridades e interrompido a obra em tempo.
Segundo ela, todo o processo tem 14 volumes e 60 apensos com 200 folhas cada um. “Houve imperícia e negligência. A tragédia poderia ter sido evitada. Se tivessem sido alertados. Deveriam ter colocado 300 peças de sustentação no túnel, mas só colocaram 30”, afirmou a promotora Passarelli em entrevista ao G1 nesta segunda-feira (26).
Acidente
Minutos antes do desmoronamento no dia 12 de janeiro, 25 funcionários abandonaram às pressas o canteiro de obras do Metrô. Na véspera do acidente, havia ocorrido um rebaixamento do teto, mas engenheiros do Consórcio Via Amarela optaram por reforçar as paredes sem paralisar o serviço. A área não foi interditada.
Isso não impediu que as paredes do túnel da obra cedessem por volta das 14h daquela sexta-feira. Em apenas 1 minuto e 50 segundos, o desabamento fez o buraco atingir 80 metros de diâmetro e 38 metros de profundidade.

Uma das primeiras vítimas a serem tragadas pelo buraco foi o motorista da obra Francisco Sabino Torres, de 48 anos. Em seguida, foi engolida a Rua Capri. Três vítimas da cratera do Metrô estavam na lotação que passava por essa via: o motorista Reinaldo Aparecido Leite, de 40 anos; o cobrador Wescley Adriano da Silva, de 22, e um passageiro, o funcionário público Marcio Rodrigues Alambert, de 31.

Os outros mortos foram: a aposentada Abigail Rossi de Azevedo, de 75 anos, o oficce-boy Cícero Augustino da Silva, de 58, e a bacharel em direito Valéria Alves Marmit, de 37, que caminhavam na calçada da Capri, usada como acesso dos operários ao túnel em perfuração.
O GPS do micro-ônibus indicava que ele estava 28 metros abaixo dos entulhos. O veículo ficou reduzido a um bloco de sucata com 60 centímetros de altura. A primeira vítima foi retirada pelos bombeiros no quarto dia de buscas. O último corpo foi encontrado no 13º dia.

Após 19 meses de investigação, o Instituto de Criminalística (IC), da Polícia Técnico-Científica, concluiu o laudo sobre as causas do acidente e apontou que problemas de execução da obra provocaram a queda das paredes do túnel.

Outros processos, além do criminal, estão sendo movidos por parentes das vítimas que não concordaram com os valores das indenizações. Além das pessoas que tiveram seus familiares mortos, há àqueles que perderam seus imóveis por conta da desapropriação. Muitas casas e prédios vizinhos ao canteiro de obras tiveram de ser demolidos porque apresentavam risco de desabamento.
Consórcio Via Amarela
Procurado no primeiro semestre deste ano para comentar o assunto, o Consórcio Via Amarela (OAS, Odebrecht, Queiroz Galvão, Camargo Corrêa e Andrade Gutierrez), responsável pelas obras de construção da Linha 4-Amarela, informou que “as indenizações foram quitadas com valores provenientes do seguro do contrato de construção da Linha 4. Todas as famílias das vítimas fatais, assim como os proprietários dos imóveis afetados pelo acidente, foram indenizados”.
Questionado sobre as causas do desabamento, o consórcio informou que “contratou renomados consultores independentes, do Brasil e do exterior, especializados em diferentes áreas, que elaboraram pareceres sobre as causas do colapso na Estação Pinheiros. O estudo resultou em um relatório técnico com mais de 800 páginas que concluiu pela ocorrência de três fatores geológicos simultaneamente combinados, em circunstâncias totalmente imprevisíveis, apesar de adotadas todas as medidas preventivas existentes nas mais modernas técnicas de engenharia”.
A respeito da denúncia do Ministério Público, o consórcio disse que “dos 14 denunciados, cinco têm relação com o Consórcio Via Amarela, os demais são integrantes do Metrô e do consórcio de empresas projetistas. A defesa de cada um está a cargo dos respectivos advogados nos autos dos processos”.

A Linha 4-Amarela terá 12,8 km de extensão e vai ligar o bairro da Luz (região central) à Vila Sônia (Zona Sul). As obras têm custo estimado em R$ 3,8 bilhões.

Original em: http://g1.globo.com

72 comments to Após 4 anos, Justiça decide se réus da cratera do Metrô vão a julgamento

  • I wish to express my appreciation to this writer for rescuing me from this particular scenario. Right after scouting throughout the world wide web and getting advice which were not helpful, I figured my entire life was over. Existing minus the strategies to the issues you’ve solved through your entire post is a critical case, and the ones that would have adversely affected my entire career if I had not come across your web blog. That natural talent and kindness in handling all the pieces was tremendous. I’m not sure what I would’ve done if I had not encountered such a thing like this. I am able to at this time relish my future. Thank you very much for your specialized and effective guide. I won’t think twice to refer your site to anybody who requires direction on this subject matter.

    GD Star Rating
    loading...
  • I intended to create you one bit of observation just to thank you once again for your unique tactics you’ve discussed on this site. It was really particularly generous of people like you to offer unhampered exactly what most of us could possibly have offered for an e book in order to make some profit on their own, particularly now that you could possibly have tried it if you ever decided. The points likewise served like a good way to realize that the rest have a similar interest just as my personal own to know the truth more around this issue. I know there are numerous more pleasant occasions in the future for folks who see your blog post.

    GD Star Rating
    loading...
  • I simply desired to say thanks once more. I’m not certain what I might have implemented in the absence of the opinions shared by you relating to such a topic. Previously it was an absolute intimidating problem in my opinion, but taking a look at a specialized style you dealt with that took me to jump with joy. I’m just happy for the advice and in addition pray you comprehend what a great job you’re putting in educating the others all through a blog. Most likely you have never come across any of us.

    GD Star Rating
    loading...
  • I as well as my buddies were found to be taking note of the excellent information located on your site while before long got a terrible suspicion I had not expressed respect to the blog owner for those secrets. Most of the women were totally warmed to read through all of them and already have very much been using these things. Thank you for actually being quite kind and for using this sort of high-quality information most people are really wanting to discover. Our own sincere apologies for not expressing gratitude to you earlier.

    GD Star Rating
    loading...
  • I have to express my affection for your kind-heartedness for individuals who absolutely need help on in this area of interest. Your real dedication to passing the message up and down turned out to be extremely advantageous and has regularly encouraged most people like me to attain their dreams. The informative help and advice entails this much to me and much more to my office colleagues. Best wishes; from all of us.

    GD Star Rating
    loading...
  • Thanks for all your hard work on this site. Kim takes pleasure in doing investigation and it’s really simple to grasp why. Most of us hear all concerning the lively form you convey insightful tactics through this website and in addition improve contribution from other ones on the theme then my simple princess is actually discovering so much. Take advantage of the remaining portion of the new year. You have been carrying out a fabulous job.

    GD Star Rating
    loading...
  • I intended to post you one little bit of remark to thank you very much yet again on the marvelous basics you’ve provided on this website. This has been simply shockingly open-handed of people like you to deliver easily what exactly most people would’ve supplied as an e book to earn some dough for themselves, particularly seeing that you could have tried it if you wanted. Those basics likewise acted to provide a easy way to fully grasp some people have the same interest just like mine to find out lots more on the topic of this condition. Certainly there are several more pleasant moments in the future for those who read through your blog post.

    GD Star Rating
    loading...
  • I must convey my respect for your kind-heartedness in support of those people who have the need for help with the area. Your very own commitment to passing the solution all over turned out to be definitely practical and has without exception enabled others just like me to realize their endeavors. The helpful suggestions signifies so much a person like me and a whole lot more to my mates. Warm regards; from all of us.

    GD Star Rating
    loading...
  • My spouse and i got now fulfilled when Jordan could deal with his researching from your precious recommendations he got from your own web page. It is now and again perplexing to just possibly be giving away strategies which usually many others could have been selling. So we fully understand we have got you to give thanks to because of that. The type of illustrations you have made, the easy site navigation, the relationships you will aid to create -- it’s got everything remarkable, and it’s really aiding our son in addition to the family recognize that the subject is awesome, which is particularly indispensable. Many thanks for all the pieces!

    GD Star Rating
    loading...
  • I simply needed to thank you so much yet again. I am not sure what I might have followed without the entire recommendations shown by you directly on this theme. It was actually a real daunting dilemma in my opinion, nevertheless finding out the very professional fashion you managed that forced me to jump with fulfillment. I will be grateful for this help and then expect you comprehend what a powerful job you are always providing instructing other individuals all through your webpage. I am sure you haven’t encountered any of us.

    GD Star Rating
    loading...

Leave a Reply