INSS definiu organizadora do concurso e deve anunciar até sexta; instituto oferece 1.875 vagas

Segundo a Assessoria de Imprensa do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), até esta sexta-feira, dia 2, deve ser anunciada a organizadora do concurso da autarquia. Serão oferecidas 1.875 vagas, sendo 1.500 para técnico e 375 para perito médico.

No início da noite da última segunda-feira, dia 28, o ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, pelo seu perfil no twitter, sinalizou a possibilidade de a organizadora do concurso já ter sido definida. A Assessoria do ministro apenas reiterou a informação dada pela do INSS.

O INSS pretendia definir a organizadora em 16 de novembro. Nessa data, o Departamento de Recursos Humanos da autarquia informou que o cronograma fora alterado em 15 dias, de acordo com a assessoria.

Para escolher a entidade, a modalidade adotada será a dispensa de licitação. Assim, o processo se torna mais ágil e o INSS pode cumprir, sem sobressaltos, a previsão de lançar o edital em 23 de dezembro, como anunciado pelo ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, e pelo presidente do INSS, Mauro Luciano Hauschild.

Requisitos e vencimentos – O cargo de técnico requer o nível médio (antigo 2º grau). A remuneração é de R$3.935,29 (já contando com a gratificação de atividade Executiva e a de desempenho de atividades do Seguro Social – 80 pontos). Estão incluso R$304 de auxílio-alimentação. 

Já para o cargo de perito médico, a exigência é a graduação em Medicina e inscrição no conselho regional de classe. Os vencimentos são de R$9.080,93 (considerando 80 pontos de gratificação de desempenho de atividade de Perícia Médica Previdenciária). Aos rendimentos já estão incluído R$304 de auxílio-alimentação.

Em fevereiro, as provas do concurso deverão ser aplicadas. A expectativa de que os exames sejam feitos entre as duas últimas semanas deste mês. O prazo entre a publicação do edital e a realização dos testes deve ser de, pelo menos, 60 dias, em observação ao Decreto nº 6.944/2009.

A nomeação dos aprovados irá ocorrer de forma escalonada nos meses de março (dia 27), julho, outubro e novembro de 2012. Os profissionais atuarão nas 720 agências do Plano de Expansão da Rede de Atendimento (PEX), que estão em construção em municípios, com mais de 20 mil habitantes. O concurso foi autorizado pelo Ministério do Planejamento, por meio da Portaria nº 442, de 18 de outubro.

Antecipação do programa – A Associação Nacional dos Servidores da Previdência e da Seguridade Social (Anasps) encaminhou ao INSS ofício solicitando a publicação do conteúdo programático da seleção antes da divulgação do edital, segundo informou a Assessoria de Imprensa da entidade, no último dia 23.

Embora o presidente do INSS, Mauro Luciano Hauschild, em entrevista exclusiva à FOLHA DIRIGIDA, tenha sinalizado a possibilidade de atender aos anseios dos candidatos, que desejam a divulgação do programa o quanto antes, a Assessoria de Imprensa do INSS informou que o conteúdo programático não será divulgado antes do edital, sob pena de se repassar informações privilegiadas indevidamente. A Associação Nacional de Proteção e Apoio aos Concursos (Anpac) apoia o pedido dos candidatos.

Original em: http://www.paraiba.com.br

Leave a Reply