Aprovados temem demora em nomeações do Estado (MT)

Grupo que representa cerca de 300 concursados afirma que há demanda, mas não há vontade política

Concurso da Politec foi realizado no ano passado e aprovados temem não serem chamados (Foto: Edson Rodrigues/Secom-MT)

Um grupo de aprovados no concurso público da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), realizado em outubro passado, criticou a demora do Governo do Estado na nomeação de alguns cargos.

Conforme uma das aprovadas, que pediu para não ser identificada, 10 peritos e quatro médicos legistas chegaram a ser nomeados, porém não foram, de fato, chamados.

“A nomeação deles já foi tornada sem efeito e, muitas nomeações estão sendo aguardadas há quase dois meses. Tem muitos casos. Eu moro longe, no interior, estive em Cuiabá para me informar na Secretaria de Estado de Administração (SAD) e a pasta não informa nada, nos tratam mal quando buscamos saber mais, sendo que essas informações são públicas”, afirmou.

Ao MidiaNews, a presidente da comissão formada por aprovados em cadastro de reserva, Naia Yamamura, afirmou que sabe que há demanda, porém o Poder Executivo justifica que não há orçamento para convocação de todos.

“Informalmente, os funcionários e a própria imprensa sempre estão informando que há uma demanda muito grande de funcionários, principalmente de peritos, que sempre têm que priorizar alguns casos em detrimento de outros”.

“No interior, sabemos também que faltam técnicos e, o único argumento do Estado é que não tem dotação orçamentária suficiente, que cargos novos precisam ser criados, que precisam passar por aprovação de leis na Assembleia Legislativa”, disse.

Apesar de, legalmente, o chamamento de aprovados expirar em um ano e meio, Naia afirmou que o temor é que o prazo passe e o Governo do Estado não nomeie ninguém.

“Em concurso realizado para delegados da Polícia Judiciária Civil isso quase ocorreu. Grande parte dos que foram aprovados, tiveram que entrar na Justiça para garantirem suas vagas. Não queremos que isso ocorra, queremos ao menos uma posicionamento real, parece que falta vontade política”, disse.

Conforme a presidente da comissão, pelo menos 300 pessoas estão esperando uma resposta do Governo do Estado.

Outro lado

A Secretaria de Estado de Administração, por meio de sua assessoria de comunicação, informou que, neste momento, a prioridade em relação aos concursos do Poder Executivo estão sendo dados ao realizado em 2009, que terá o prazo de chamamento extinto no próximo fim de semana.

Assim que todos os aprovados neste concurso de 2009 forem chamados, afirmou a pasta, providências a respeito de outros certames feitos nos últimos anos serão dadas. Entre estes, está o da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec).

A previsão, conforme a Secretaria, é que na segunda-feira (28) a equipe de Recursos Humanos da pasta comece a fazer um levantamento de aprovados e da necessidade de nomeações em todos os órgãos estaduais.

Por: Isa Sousa (Da Redação)

Original em: http://www.midianews.com.br

GD Star Rating
loading...