Arquivo

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Abertas inscrições do Mestrado em Perícias Forenses da UPE

Estão abertas, desde o dia 01 de outubro, as inscrições do Mestrado em Perícias Forenses da Faculdade de Odontologia da Universidade de Pernambuco (FOP/UPE).

Para concorrer a uma das vagas é necessário ter concluído curso de graduação.   Os interessados devem se inscrever, até o dia 3 de dezembro deste ano, no horário das 8h às 12h, no Setor de Pós-Graduação e Pesquisa da própria unidade, localizada na av. Gal. Newton Cavalcanti, 1651, Tabatinga, Camaragibe, Pernambuco.

A taxa de inscrição custa R$ 300,00 e deve ser paga na tesouraria da FOP/UPE.

Mais informações através dos telefones (81) 3184-7659 ou 3184-7660, pelo endereço eletrônico posgraduacaofop@yahoo.com.br Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. ou ainda no site http://www.posfop.org/

http://www.upe.br/down/imprensa/edital_pericias.pdf

Recebido por e-mail

GD Star Rating
loading...

Codecir e IC fazem vistoria em galpões da SDS que foram incendiados

Depois de autorização dos técnicos da Codecir, servidores do IC continuar a fazer a perícia no local

Técnicos da Coordenadoria de Defesa Civil do Recife (Codecir) vistoriaram, na manhã desta terça-feira (21), os galpões da Secretaria de Defesa Social que foram incendiados, na semana passada. Eles constataram que não havia risco de desabamento nas estruturas e liberaram a área para que os peritos do Instituto de Criminalística possam concluir seus trabalhos.

A perícia do IC começou logo após o fim dos trabalhos de rescaldo na área, que mede 12 mil metros quadrados. Cerca de 70% do trabalho já foi realizado. Os peritos estão em busca do chamado ‘ponto de ignição’ do incêndio, que seria a origem do fogo. Amostras de papel, munição e explosivos, colhidas no local, vão ajudar a perícia a detectar a temperatura atingida durante o incêndio.

Em um primeiro momento, os técnicos realizam um inventário do material que estava no local. Não há prazo para conclusão do trabalho, mas, segundo estivamente da SDS, os técnicos podem finalizar a perícia ainda esta semana. Em seguida, o resultado será entregue ao delegado responsável pelo caso, que irá anexar o documento no inquérito.

O incêndio aconteceu na última quarta-feira, em galpões da SDS que armazenavam munições, armas, inquéritos, prontuários da SDS, além de produtos, como CDs e DVDs piratas e cigarros falsificados, apreendidos em operações policiais. O prejuízo ainda não foi calculado.

Os galpões ficam localizados nas proximidades da estação de metrô Joana Bezerra. A delegacia da Boa Vista está à frente das investigações.

Original em: http://pe360graus.globo.com

GD Star Rating
loading...

Policiais civis farão curso em SP e PE

Catorze integrantes da Polícia Civil que irão integrar a equipe da Divisão de Homicídios, entre delegados e inspetores, devem viajar, na próxima semana, com destino à São Paulo e Recife para participar de aulas práticas e teóricas com as respectivas unidades de investigação de homicídios dessas cidades.

Segundo o diretor do Departamento de Polícia Especializada (DEP), delegado Jairo Façanha Pequeno, as equipes de combate aos crimes contra vida dessas duas cidades são referências para o restante do país. “Já enviamos uma equipe formada por seis delegados e cinco inspetores para São Paulo, e agora, essa nova turma irá se dividir. Uma parte vai para a capital paulista e a outra para Recife”.

O delegado explicou que essa é a segunda etapa de um treinamento iniciado em Fortaleza. Os policiais passam oito dias tendo aulas teóricas e acompanhando o dia a dia das equipes dos Departamentos de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), de São Paulo e Recife. “Eles verão como os policiais desses locais agem e, de que forma, as investigações são conduzidas. O objetivo é fazer com que esse aprendizado seja um dos ingredientes para o sucesso da nossa Divisão de Homicídios”, salientou.

Para o diretor do DPE, esse intercâmbio é fundamental, pois os inspetores e delegados irão adquirir novas técnicas de investigação, principalmente com relacionados a locais de crimes. “O que o policial deve fazer para que obter o máximo de informações num local de crime? Quais são as técnicas que os policiais paulistas e pernambucanos usam para elucidar os homicídios mais rapidamente? Todos esses pontos serão observados nesse curso”.

Novos

Jairo Pequeno chamou de “lapidação” o treinamento ofertado aos integrantes da Divisão de Homicídios. “Temos alguns policiais novos, mas todos já passaram por um rigoroso treinamento na Academia de Polícia e são extremamente competentes”, ressaltou o delegado.

O diretor do DPE afirmou estar muito confiante nos resultados positivos que virão com o início dos trabalhos da nova Divisão. “Temos nos empenhado em disponibilizar o maior número possível de policiais para fazer parte dessa equipe, apesar da limitação de pessoal. Acredito que esse trabalho será vitorioso”, enfatizou.

GD Star Rating
loading...

Peritos da PF realizam varredura em avião da Air France suspeito de carregar uma bomba

RIO – Peritos do Instituto de Criminalística da Polícia Federal e agentes do esquadrão antibomba estão neste momento realizando uma varredura num avião da Air France, no Aeroporto Internacional do Guararapes Gilberto Freyre, em Recife, em busca de uma suposta bomba.

A suspeita foi disparada depois que uma mulher, não identificada, ligou para a torre de controle avisando de que o avião levaria um artefato.

Segundo fontes da Polícia Federal, até o momento nenhuma bomba foi encontrada. Vários policiais estão no aeroporto e no interior da aeronave. O avião foi deslocado para uma área remota.

Original em: http://oglobo.globo.com

GD Star Rating
loading...

Perícia confirma atentado contra testemunha do caso Delma

Testemunha fez o retrato falado na manhã desta segunda-feira

A perícia criminal da Polícia Civil confirmou o atentado contra o ex-presidiário conhecido como Pink, que foi contratado por Delma Freire para assumir a autoria da morte da alemã Jennifer Kloker. Segundo ele, um ex-amante de Delma, chamado Ito, foi o autor da tentativa de assassinato. Pink ajudou a confeccionar o retrato falado de Ito nesta manhã de segunda-feira (31).

O resultado da perícia deu positivo para disparos de armas de fogo. Foram quatro marcas de balas encontradas na residência onde Pink estava escondido, em São José da Coroa Grande.

A delegada Gleide Ângelo irá mostrar fotos de possíveis suspeitos retirados do banco de dados da Polícia e fazer o cruzamento com imagens de suspeitos que utilizam o apelido Ito.

O atentado contra Pink aconteceu no dia 21 de maio. Duas pessoas dirigindo um gol cinza de quatro portas foram até São José da Coroa Grande. Ito, que estava no carona, efetuou os disparos. A Polícia encontrou no local uma fotografia de Pink, que estava inserido no Parte do Programa de Proteção a Testemunhas.

PASSADO – Pink está em liberdade condicional. Ele foi preso em 2005 por flagrante de estelionato e tráfico de drogas e foi beneficiado pela progressão de pena, já que cumpriu um sexto dela.

Delma Freire foi transferida para um anexo da Penitenciária Bom Pastor, em Igarassu, por conta da superlotação. Para Gleide Ângelo, Ito está agindo por conta própria na tentativa de matar o ex-presidiário, já que Delma está incomunicável.

Original em: http://jc.uol.com.br

GD Star Rating
loading...

Estudante encontrada morta em porta-malas de carro em motel de Olinda se matou, confirma polícia

RECIFE – A Polícia Civil do Pernambuco confirmou oficialmente o suicídio de Ionara Félix, de 22 anos. A conclusão do inquérito que investigou a morte da estudante de enfermagem, cujo corpo foi encontrado no porta-malas de um carro em um motel de Olind a, na Região Metropolitana do Recife, foi apresentada na tarde desta segunda-feira.

Ionara Félix morreu na madrugada do último dia 20 com um tiro na cabeça. O corpo, sem roupa, foi colocado no porta-malas do carro do primo dela, o policial militar João Bosco, dono da arma do crime, um revólver 38 sem registro.

De acordo com a polícia, cinco pessoas, entre elas a vítima, duas mulheres e dois homens, vinham de uma festa de uma faculdade, quando decidiram parar no local para dormir, todos no mesmo quarto. João Bosco, bem como as estudantes Dinah Cíntia de Souza Santos e Talita Maria Sodré e o garçom Jeimerson Marcelo da Silva Silvestre foram presos depois que exames do Instituto de Criminalística mostraram que havia resíduos de chumbo nas mãos da vítima e de Dinah .

A presença do material na mão de Dinah foi explicado pelo Instituto de Criminalística. De acordo com os peritos, quando o corpo era removido para o carro do policial, João Bosco mandou a estudante tirar os sacos plásticos que envolviam a cabeça e as mãos de Ionara. Neste momento, houve a contaminação.

As quatro pessoas que estavam presas acusadas pelo crime irão responder por ocultação de cadáver. João Bosco também vai responder um processo administrativo por porte ilegal de arma.

A família da estudante morta não acreditava na hipótese de homicídio . De acordo com familiares, Ionara era portadora de distúrbio bipolar e sofria de depressão. Eles já haviam encontrado chumbinho na bolsa dela, um raticida cuja venda é legalmente proibida, mas que entra como uma das principais substâncias utilizadas em casos de suicídio em Recife.

Original em: http://oglobo.globo.com

GD Star Rating
loading...

Laudo aponta para suicídio no caso da morte de estudante em motel em Olinda

RECIFE – O laudo do Instituto de Criminalística, concluído neste sábado, reforça a tese de que a estudante Ionara Félix da Silva, de 22 anos, teria cometido suicídio. A versão é mesma contada pelas quatro pessoas que estavam com a estudante num motel, em Olinda. Os delegados que investigam o caso não deram mais detalhes sobre o conteúdo do trabalho realizado pelos peritos. Eles explicaram apenas que a perícia aponta para o suicídio. Os detalhes sobre o caso serão dados numa coletiva na próxima segunda-feira.

Ionara morreu na madrugada do último sábado em um motel de Olinda. Hóspedes ouviram um disparo e chamaram a polícia. A estudante de enfermagem, Ionara Félix da Silva, de 22 anos, morreu com um tiro na cabeça. O corpo, sem roupa, foi colocado na mala do carro do primo dela, o policial militar João Bosco, dono da arma do crime, um revólver 38 sem registro.

João Bosco, bem como as estudantes Dinah Cíntia de Souza Santos e Talita Maria Sodré e o garçom Jeimerson Marcelo da Silva Silvestre foram presos nesta semana depois que exames do Instituto de Criminalística mostraram que havia resíduos de chumbo nas mãos da vítima de Dinah.

As outras pessoas foram acusadas de terem ocultado o cadáver no porta-malas de um carro, depois de ter alterado o local, lavando a suíte e tirando a roupa do corpo da estudante.

Original em: http://oglobo.globo.com

GD Star Rating
loading...

Polícia ainda aguarda laudos do IC e do IML para concluir inquérito

A Polícia Civil de Pernambuco ainda aguarda os laudos do Instituto de Criminalística e do Instituto de Medicina Legal (IML) para dar seguimento às investigações sobre a morte da estudante de enfermagem Ionara Félix da Silva, 25 anos. Ela foi encontrada morta com um tiro na cabeça em um motel em Ouro Preto, Olinda.

Nessa sexta-feira (26), Gleide Ângela, delegada do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) vai até ao local, a suíte do motel Status. O PM João Bosco de Lima Costa Júnior e o garçom Jeimison Marcelo da Silva Silvestre, e duas amigas, Thalita Maryah Sodré Barbosa e Dinah Cintia de Souza Santos serão ouvidos novamente amanhã.

Eles estão presos pelo crime de ocultação de cadáver. A estudante Dinah Cintia de Souza Santos é tida como a autora do disparo. A Polícia Civil tem até a próxima segunda para concluir o inquérito.

O CASO – Ionara entrou no motel com dois primos, o PM João Bosco de Lima Costa Júnior e o garçom Jeimison Marcelo da Silva Silvestre, e duas amigas, Thalita Maryah Sodré Barbosa e Dinah Cintia de Souza Santos. A suíte nº 5 era a terceira parada do grupo, que já tinha passado por uma calourada na Funeso, em Olinda, e por um bar em Maranguape I, Paulista.

É que pairam dúvidas sobre o que aconteceu no motel. Os quatro envolvidos sustentam a tese de que Ionara teria cometido suicídio. No entanto a polícia não descarta a hipótese de homicídio. Nas mãos de Dinah, uma das mulheres presas, peritos encontraram vestígios de chumbo, o que pode indicar que tenha disparado a arma. O revólver pertence ao policial militar João Bosco de Lima Costa Júnior, 28, primo da vítima e um dos detidos.

Original em: http://jc.uol.com.br

GD Star Rating
loading...

Polícia faz reconstituição da morte de turista alemã em Pernambuco

Três suspeitos de envolvimento participaram da simulação.
Eles percorreram trajeto entre Recife e São Lourenço da Mata.

Três suspeitos de envolvimento na morte de uma turista alemã de 23 anos participaram da reconstituição do crime, que teve início na noite de quarta-feira (24), em Pernambuco. Os agentes percorreram um roteiro que teria sido feito pelos criminosos, entre o Recife e o município de São Lourenço da Mata.

O corpo da jovem foi encontrado, com ferimentos, em 17 de fevereiro, na rodovia BR-408. No total, quatro pessoas foram presas, incluindo a sogra, o sogro e o marido da vítima. A sogra não participou da reconstituição.

A simulação deveria começar às 22h, mas a chuva atrasou os trabalhos. A atividade durou cerca de duas horas. A polícia diz que a reconstituição foi feita com base no depoimento do suspeito de ter atirado na alemã. “Pelos depoimentos, não há dúvida de que ele disparou”, disse o gestor do Instituto de Criminalística, Roberto Nunes de Araújo.

Além dos delegados do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), participam do trabalho peritos do Instituto de Criminalística. As investigações continuam.

Original em: http://g1.globo.com

GD Star Rating
loading...

Polícia prende suspeito de atirar em turista alemã em PE

Um dia depois de a sogra da turista alemã Jennifer Kloker ser presa no Recife, a Polícia Civil de Pernambuco prendeu nesta quarta-feira o quarto suspeito de ter participado do assassinato da alemã. A. N. S., 35 anos, é apontado como o homem que fez os disparos que mataram Jennifer. O suspeito foi preso nesta tarde no bairro do Curado, zona oeste do Recife.

A polícia procurava pelo homem desde terça-feira, quando foi solicitada a prisão. Membros do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) executaram um mandado de busca e apreensão no apartamento do suspeito, à procura da arma do crime.

Com a prisão do quarto envolvido, a polícia acredita estar perto do fim do inquérito. Jennifer Kloker foi morta em São Lourenço da Mata, na terça-feira de Carnaval. Estava em companhia do filho de 3 anos, do marido e dos sogros. Os três disseram que foram vítimas de um latrocínio (assalto seguido de morte).

A versão ficou fragilizada depois de contradições nos depoimentos dos familiares. Os três informaram um percurso diferente do verificado através do GPS do carro alugado. A prisão do viúvo e o sogro da alemã foi feita em 23 de fevereiro, após um exame do Instituto de Criminalística apontar a presença de pólvora nas mãos da dupla.

Na segunda-feira, um presidiário que cumpre pena em regime semiaberto se apresentou à polícia e disse que a sogra da turista pagou R$ 20 mil para que ele assumisse a autoria do crime. Ele disse que foi orientado por um advogado a como sustentar sua versão. O advogado negou ter feito tais instruções.

Transferência
Delma Freire, sogra da vítima, foi transferida na noite desta quarta-feira para a Colônia Feminina do Bom Pastor, no Recife. Antes de seguir para a penitenciária, ela fez exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal.

Original em: http://noticias.terra.com.br

GD Star Rating
loading...